Intoxicação? Acidentes graves? Malformação do cérebro? Descubra as causas pouco comuns do TDAH.

O TDAH é causado por uma mistura de predisposições genéticas e fatores ambientais

Como comentamos no nosso guia sobre deficit de atenção (TDAH): o que é, como prevenir e tratar, a condição ocorre em menor ou maior grau tanto entre crianças e adolescentes quanto em adultos. Ela é agravada pela influência de fatores externos e ambientais – contexto familiar e doméstico – assim como por fatores hereditários.

O transtorno é cerca de 2 a 10 vezes mais prevalente entre parentes de crianças afetadas pelo TDAH do que entre a população adulta em geral, fato mais conhecido como recorrência familial.

Causas incomuns do deficit de atenção

Os problemas de memória, concentração e hiperatividade podem surgir ou ser agravados por estas outras causas:

  • Dieta restrita e alergia/sensibilidade a certos alimentos: a insuficiência de certos minerais e vitaminas no organismo como o zinco e o magnésio, a vitamina C e vitaminas B3, B6 e B12, seja por restrições nutricionais, seja pela alergia a alimentos que contenham estas substâncias, pode ocasionar níveis mais altos de desatenção e problemas de memória. Converse sobre complementos dietéticos com o seu médico ou o pediatra do seu filho.
  • Lesões graves no crânio: justamente por conta da hiperatividade e pela dificuldade de ficar parada, a criança pode se machucar e acidentar a cabeça, afetando a região frontal orbital do cérebro. Ela é responsável pela inibição do comportamento inadequado, pela capacidade de prestar atenção, reter a memória, gerir o autocontrole, se organizar e conseguir planejar.
  • Efeitos colaterais de medicamentos: a indução à hiperatividade por conta do tratamento de asma, eczema e alergias realizado com esteroides.
  • Toxinas no corpo: em casos mais raros, a intoxicação por chumbo adicionado às tintas usadas nas pinturas de casas e apartamentos, o que era comum na década de 70, pode ocasionar sintomas similares ao TDAH em crianças que mantenham contato ou sejam envenenadas pela substância.

Outras substâncias químicas presentes em alimentos como corantes, aromatizantes, adoçantes e conservantes também podem afetar o desenvolvimento cerebral da criança.

Entre as causas mais comuns do TDAH estão o fator genético, a ingestão de substâncias durante a gravidez, os problemas ambientais e outros motivos que detalhamos no nosso guia completo.

Problemas associados ao TDAH

Em cerca de 70% dos casos, tanto infantis quanto de adolescentes ou adultos, existem outros problemas associados ao deficit de atenção como a ansiedade, depressão e abuso de substâncias ligadas a comportamentos de risco.

Leia mais sobre as características do transtorno do deficit de atenção durante as fases da vida para prevenir e remediar situações indesejadas.

Lidando com dificuldades em aprender? Nós podemos te ajudar. Conheça a nossa metodologia exclusiva e desenvolva uma aprendizagem em alta performance! Assim, você estará mais preparado para avançar na  sua carreira, na vida pessoal, ou ser aprovado no vestibular e ENEM, concursos públicos ou exames profissionais.

Fontes:

Paulo Mattos – No mundo da lua – Perguntas e respostas sobre o Transtorno do Deficit de Atenção com Hiperatividade em crianças, adolescentes e adultos

Maggie Jones – Hiperatividade

Healthy Children – Causes of ADHD

TDAH – O que é TDAH


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *